Maria Fernanda Sabbo contribuiu para que Mato Grosso do Sul terminasse entre as oito melhores no feminino (Foto: FJMS/Divulgação)

Maria Fernanda Sabbo contribuiu para que Mato Grosso do Sul terminasse entre as oito melhores no feminino (Foto: FJMS/Divulgação)

Mato Grosso do Sul ficou em 12º no quadro de medalhas do Campeonato Brasileiro Sub-18, realizado no fim de semana, em Lauro de Freitas, região metropolitana de Salvador. Com quatro medalhas de bronze, o desempenho dos 20 judocas que representaram o Estado ficou abaixo da atuação no Nacional Sub-21, em que as equipes voltaram com um segundo e quatro terceiros lugares.

Na Sub-18, Mato Grosso do Sul ficou à frente de federações como Minas Gerais, 13º e três medalhas de bronze; Santa Catarina, 15º e um terceiro lugar; e Mato Grosso, 22º  e sem pódio conquistado. São Paulo dominou o campeonato com cinco de ouro, cinco de prata e quatro de bronze. No total, 26 agremiações participaram da competição.

Segundo a FJMS (Federação de Judô de Mato Grosso do Sul), o primeiro bronze e destaque da delegação foi para Crislayne Almeida de Alencar, da Associação Yada. O pódio é inédito para Itaporã, município com 21 mil habitantes e a 234 km de Campo Grande.

“A medalha é uma conquista inédita para o judô de Itaporã”, disse a técnica Kelly, que acompanhou a atleta durante o evento.

Ainda pelo feminino, em que Mato Grosso do Sul ficou entre as oito melhores (a liderança ficou com Rio Grande do Sul), as outras medalhas conquistadas foram de Maria Fernanda Sabbo, peso -52 kg, do Clube Rocha, e Alexia Vitoria Nascimento, -48 kg do Judô Futuro, que repetiu o terceiro lugar obtido no Brasileiro Sub-21.

No masculino, em que Mato Grosso do Sul figurou em 11º lugar (São Paulo foi o campeão), o brilho solitário foi de Gustavo Melo, categoria -55 kg, do Judô Moura. As três academias são de Campo Grande.

De acordo com a CBJ (Confederação Brasileira de Judô), a disputa entre os Estados foi bastante equilibrada. Vinte das 26 federações participantes conquistaram medalhas.

As cinco regiões do Brasil tiveram judocas no pódio do Brasileiro Sub-18, último evento a distribuir pontos para o ranking nacional da base e que definiu os classificados para o Pan-Americano Juvenil deste ano. Porém, apenas São Paulo, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Paraná e Rio Grande do Norte conquistaram pelo menos um primeiro lugar. (Com FJMS)